sexta-feira, 31 de maio de 2013

Vixe Maria! Prefeitura de Rosário vai gastar mais de 200 mil com urnas funerárias


A prefeitura de Rosário, distante apenas 09 quilômetros de Bacabeira e 60 quilômetros da capital São Luis, abriu licitação para empresa fornecer urnas funerárias para a prefeitura da cidade, num montante de mais de R$ 200 mil reais, segundo Extratos dos Contratos Nº 36/2013 e 37/2013, publicados no diário oficial da união, no último dia 06 de maio de 2013.

Segundo consta nos extratos, as empresas que fornecerão as urnas funerárias à prefeitura de Rosário, serão a Deusimar R. Ferreira-ME (Pax Nossa Senhora do Rosário, de inscrição CNPJ Nº 02.805.436/0001 – 83; e Pax Rosariense Serviços Póstumos LTDA-ME de inscrição CNPJ Nº 07.056.732/0001-42. Segundo informações, ambas são da cidade.

A Secretaria de Assistência Social do Município teria sido a pasta que intermediou o contrato dos serviços funerários para o município, conforme o Diário Oficial da União – DOU, onde terá vigência de contrato de 12 meses a contar da assinatura do mesmo.

A contratação dos serviços funerários já virou motivo de piadas entre a população da cidade, que dizem que, ao invés de investirem 200 mil na saúde da população para evitar óbitos, a prefeitura tem feito o contrário: Compra logo o caixão para enterrar os mortos.

Não podemos negar que esse tipo de serviço é constante entre prefeituras, principalmente as do interior do estado. O que espanta a população rosariense é, justamente, o valor do contrato. Somados os valores dos dois extratos, temos um total de R$ 203.030,00.


Veja abaixo a cópia dos extratos:


BR-135: mais uma barreira eletrônica começa a funcionar


Atenção redobrada é o que devem ter os condutores que trafegam pela BR 135, no trecho que dá acesso ao Porto do Itaqui.
Um novo redutor de velocidade, na modalidade barreira eletrônica, foi instalado no Km 8.2 e começa a funcionar na próxima segunda-feira (03). A velocidade máxima permitida no local é de 60 km por hora.
A instalação de equipamentos redutores e controladores de velocidade nos perímetros urbanos cortados pelas BRs 010, 135, 222, 226, 230 e 316 está sendo promovida pela Superintendência Regional do DNIT e tem como objetivo reduzir acidentes, evitar atropelamentos e proporcionar mais segurança à população.

(As informações são do (DNIT)

STF barra tentativa do PSC de cancelar o casamento gay


O Partido Social Cristão (PSC) entrou com uma ação junto ao Supremo Tribunal Federal pedindo para que a decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) sobre o casamento gay seja revista. Mas o ministro Luiz Fux decidiu nesta terça-feira (28) arquivar o processo.

A medida foi tomada, pois o ministro entendeu que o mandato de segurança não é o método adequado para questionar a resolução no CNJ. Fux acredita que para poder revogar a decisão que obriga todos os cartórios a realizar a união entre pessoas do mesmo sexo é necessário entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN).

Outro ponto julgado pelo ministro foi o argumento usado pelo PSC que contestou o CNJ dizendo que o órgão havia usurpado a competência do Congresso Nacional ao regulamentar a união civil de homossexuais. Fux acredita que o Conselho tenha sim o poder normativo.

Ao arquivar a ação, o processo não será mais analisado pelo plenário do STF, o PSC pode recorrer da decisão.


(Informações Gospel Prime)

Justiça revoga liminar e jogo entre Brasil X Inglaterra acontecerá neste domingo

Do G1

A Justiça do Rio revogou, na noite desta quinta-feira (30), a liminar que suspendia o amistoso entre Brasil e Inglaterra no próximo domingo (2) no estádio do Maracanã. A informação é do Governo do Estado que entrou com recurso, apresentando laudo da PM que comprova o cumprimento de todas as regras de segurança no Maracanã.

De acordo com a assessoria de imprensa do governador Sérgio Cabral, o laudo não havia sido entregue à Superintendência de Desportos do Rio de Janeiro (Suderj) por falha burocrática. Com a cassação da liminar, a partida está confirmada para domingo. Esse será o último evento teste do Maracanã antes da Copa das Confederações, que será realizada de 15 a 30 de junho.

Suspensão a pedido do MP
Na tarde desta quinta-feira, o plantão judiciário do Tribunal de Justiça do Rio havia concedido liminar suspendendo o amistoso entre Brasil e Inglaterra no Maracanã. O pedido foi feito pelo Ministério Público estadual, que alegou falta de segurança para o público, e aceito pela juíza da 13ª Vara de Fazenda da Capital, Adriana Costa dos Santos, que responde pelo plantão judiciário.

Ao saber da liminar que suspendia a partida, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou por meio de nota que "o departamento jurídico diz que todos os laudos necessários foram emitidos e serão encaminhados para a juíza a fim de mostrar que a decisão não faz sentido".

Entenda o caso
Na decisão que suspendia a partida, a juíza determinava que fossem apresentados laudos que comprovando que o Maracanã está apto a receber torcedores sem que haja risco de segurança. "Afinal, a não concessão da liminar requerida se afiguraria bem mais gravosa do que seu deferimento, já que o jogo seria realizado sem se averiguar se há condições satisfatórias nos quesitos de segurança e higiene, podendo colocar em risco a segurança dos que lá estiverem", afirmou a juíza Adriana Costa dos Santos, que havia concedido a liminar.

A Justiça havia fixado ainda multa de R$ 1 milhão para cada jogo ou evento realizado irregularmente, antes da liberação do Maracanã para receber torcedores.

Falta de segurança
O MP-RJ  entrou ação civil pública em face da Confederação Brasileira de Futebol, Comitê Organizador Brasileiro Ltda (COL) e José Maria Marin, presidente da CBF, pedindo a proibição da realização de jogos e eventos no estádio do Maracanã, inclusive o amistoso entre Brasil e Inglaterra, até que sejam apresentados, em sua integralidade, os laudos técnicos que comprovem que o estádio está em condições de sediar jogos e eventos. A Promotoria alega preocupação com a segurança dos torcedores.

O Ministério Público ainda informou, na petição inicial, que não foram entregues os laudos de vistoria de engenharia, de prevenção e combate a incêndio, condições sanitárias e de higiene, fundamentais para se atestar a segurança e viabilidade do estádio para realização de eventos. A Promotoria ressaltou ainda que, até o mês de abril de 2013, a vistoria realizada pela Policia Militar indicava que o Maracanã não estava apto a receber público para eventos, em virtude das inúmeras restrições. O MP-RJ alegou na ação que o jogo realizado no dia 27 de abril (Amigos de Bebeto contra Amigos de Ronaldo) mostrou que havia inúmeros problemas.

Maracanã em obras
De acordo com o Ministério Público, o único laudo apresentado pela Polícia Militar de 29 de maio deste ano demonstra que o estádio ainda está em fase de construção, apresentando riscos, como materiais perigosos (pedras, pedaços de calçadas, restos de obras, hastes metálicas, outros), que poderiam ser utilizados em tumultos e confrontos de torcedores.


Segundo a Promotoria, foi constatado também pisos soltos, mal fixados, além de não existirem obstáculos para dificultar a invasão de torcedores da arquibancada para o campo (alambrado, grades, fosso). Os promotores afirmam que o laudo da PM aponta um muro de aproximadamente um metro de altura com o único obstáculo, e que isso não impediria uma possível invasão no campo, sendo necessário "forte emprego de efetivo no local". 

IMAGEM DO DIA: “É assim que se deve fazer”...



quinta-feira, 30 de maio de 2013

Vereador solicita obra de revitalização no açude da beta para construção de obras


O vereador Antonio Carvalho (PTB), deu entrada a um requerimento na pauta da sessão da ultima sexta-feira (24), na câmara municipal da cidade, solicitando a revitalização do espaço do açude da beta, que está sem utilidade, para a construção de obras públicas.

Segundo teor da matéria, o objetivo da solicitação é dar uma finalidade útil ao local, que outrora poderia ser considerada área de lazer para a população da cidade, mas, infelizmente, o que é visto não passa de um local de colocação de lixo domiciliar e proliferação de mosquitos transmissores de doenças.

Carvalhinho quer que a prefeitura realize com urgência, obra de aterramento do açude antes que o mesmo seja invadido por moradores ao redor, como já está acontecendo, e no lugar, construir obras como escolas, posto de saúde ou praça.

A problemática do aludido açude já foi pauta na legislatura anterior, quando o ex-vereador Jefferson Calvet propôs a limpeza, despoluição e construção de uma área de lazer com bancos, calçamentos e iluminação para a população, o que também não aconteceu.


Antonio Carvalho deve apresentar um Projeto de Lei na próxima sessão, proibindo a utilização da área do açude a terceiros, para que fique resguardada a área sem correr o risco de invasão.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Audiência pública discute impactos da ferrovia Carajás no MA


Prefeitos, lideranças de áreas atingidas pela ferrovia Carajás, sociedade civil e parlamentares estiveram presentes na tarde de ontem (28), no auditório Fernando Falcão, da Assembleia Legislativa. Por meio de uma audiência pública foram discutidas ações para melhoria ambiental, social e econômica dos municípios que sofrem influência da Estrada de Ferro Carajás.
O Consórcio dos Municípios da Estrada de Ferro Carajás (Comefc) reuniu 23 municípios que sofrem com poluição sonora, mortes somadas ao longo da ferrovia, problemas respiratórios, rachaduras nas casas (ocasionadas pela passagem do trem), entre outros. A Mineradora Vale recebeu o convite para participar da audiência, entretanto apenas encaminhou uma nota informando que não se faria presente.
Cristiane Damião, Presidenta do Comefc e prefeita do município de Bom Jesus das Selvas, explicou que a luta não será individual, são 450 mil famílias que totalizam 1 milhão e 800 mil habitantes, representando 76% da malha ferroviária da Vale nesses 23 municípios. Um povo que não irá desistir de participar e fazer valer um momento único e histórico no Maranhão, destacou.
Entre as metas estabelecidas pelo consórcio estão as compensações para os municípios atingidos. A equipe do “Justiça nos Trilhos”, também esteve presente no evento e pontuaram as principais reclamações daqueles que convivem diariamente com os impactos causados ao meio ambiente e com as comunidades que apresentam um dos piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil.
O Deputado Birá do Pindaré, presidente da Comissão de Assuntos Econômicos da Casa Legislativa, propôs um plano de trabalho para que todos os direcionamentos sejam realizados pela equipe do Comefc, Assembleia Legislativa e “Justiça nos Trilhos”.

Com a meta de difundir a mensagem para todos os setores da sociedade, outras duas audiências estão agendadas para os próximos dias, na Câmara Federal e na Câmara Municipal de São Luís. Em defesa dos territórios atingidos, as ações estão sendo desenvolvidas exclusivamente em beneficio da população.
(Informações do Imirante)

Pr. Abílio Santana na Igreja Batista Nacional em Rosário


A Igreja Batista Nacional na cidade de Rosário estará realizando na próxima segunda-feira (03), um grande trabalho de adoração a Deus e milagres (SEGUNDA DO MILAGRE), que acontecerá no templo da igreja, localizada na Rua Coronel Augusto Rocha, próximo à escola Siló Aquino no centro da cidade.

A Ministração da palavra de Deus ficará sobre a responsabilidade do Conferencista internacional e Pregador, Pastor Abílio Santana, do estado da Bahia, que estará abrilhantando o culto a Deus naquela noite.

Sua presença e participação é indispensável. Vá e leve sua família para ouvir a palavra de Deus e receber aquele milagre que você tanto espera.


O Pastor Rômulo Martins Oliveira, presidente da Igreja Batista Nacional em Rosário, confirma que a entrada ao culto é gratuita, e espera ver a casa cheia para adorar a Deus na noite da próxima segunda-feira, dia 03 a partir das 19 horas.


Luis Vilaça pede que a CAEMA realize substituição da rede de abastecimento no povoado José Pedro


O vereador Luis Vilaça (PP) encaminhou uma indicação a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão – CAEMA, na última sessão do dia 24, solicitando a substituição da rede de abastecimento de água no povoado José Pedro, em Bacabeira.

Por conta da pouca vazão de água no povoado, os moradores têm reclamado e cobrado constantemente a regularização dos serviços prestados pela estatal (CAEMA) no município. Por esta razão, o vereador solicita que seja substituída por canos que suportam maior volume de água possível e dê  maior vazão a água para atender a comunidade requerente.

Segundo o parlamentar, a execução da obra realizada pela estatal, obedecendo à indicação enviada pela câmara trará benefícios para ambas as parte, sendo que a empresa receberá pelo serviço prestado e a população ficará satisfeita pagando suas contas em dias, sem atraso ou omissão de pagamento.


Vilaça esperar receber quanto antes, resposta da CAEMA a fim de repassar a informação à população que lhe cobrou o pedido. 

Prefeitura antecipa pagamento de servidores públicos de Bacabeira


O Secretário Municipal de Finanças de Bacabeira, Josué Gouvêa, por meio da Assessoria de Comunicação, informou agora a pouco ao titular do Blog que o pagamento do funcionalismo público municipal referente ao mês de maio já está nas contas.

Segundo o assessor de comunicação da prefeitura, Daniel Mendes, a determinação do Prefeito Alan Linhares (PTB), é que se cumpra rigorosamente o calendário da SEMAFI, que define o ultimo dia de cada mês como dia certo para a efetivação do pagamento de salários de todos os funcionários da administração.


O que foi informado, é que os funcionários já podem sacar seus proventos nas contas dos bancos a quem pertencem.

TUDO EM CASA! Prefeita de Rosário contrata empresa de sua própria família. Veja!


A prefeitura de Rosário, administrada pela Drª Irlahi Linhares (PMDB), utilizando de seus meios executivos e administrativos, contratou serviços de uma empresa de propriedade de sua própria família, para fornecimento de combustíveis e derivados, segundo publicado no diário oficial do estado, no dia 05 de março do corrente ano.


De acordo com o Diário Oficial, a Prefeitura Municipal de Rosário, na pessoa da prefeita Irlahi Linhares, através da Secretaria Municipal de Administração do município, fechou contrato de R$ 919.450,00 (novecentos e dezenove mil quatrocentos e cinquenta reais). Ou seja, quase um milhão de reais com a empresa Moraes e Linhares Ltda. CNPJ Nº 07.516.487/0001 – 09, de propriedade da própria família da prefeita.

Segundo o extrato do contrato n° 10/2013, o objetivo é a aquisição de combustíveis e derivados para todas as Secretarias, com base na Lei Federal 8.666/93. A Moraes e Linhares Ltda. possui uma rede de postos de combustíveis e derivados na cidade de Rosário, onde um deles fica na Rua Padre Possidônio, e o outro, no povoado Prata, também na cidade de Rosário.

O contrato não tem prazo de validade. Porém está válido desde a sua publicação no (DO).

A prefeita Irlahi que já não tem feito o bom governo na cidade, aonde não vem satisfazendo a grande maioria da população rosariense em decorrência de alguns problemas na cidade, principalmente na saúde e infraestrutura, ainda aparece com um contrato quase milionário com uma empresa de sua própria casa, podemos dizer assim. A cópia do cotrato já está percorrendo as redes sociais, se espalhando como um piscar de olhos, causando grande revolta por parte da população rosariense.

Pelo jeito tudo está em casa.

terça-feira, 28 de maio de 2013

Roseana cancela visita a Bacabeira e Rosário, mas estará em Raposa nesta quarta (29)

A desculpa que foi dada para que a governadora do estado, Roseana Sarney (PMDB) cancelasse sua visita às cidades de Bacabeira e Rosário, marcada para esta quarta-feira (29) foi no mínimo fraca, visto que os motivos anunciados para o cancelamento do governo itinerante aos municípios, não impediram sua ida ao município de Raposa, que acontece no mesmo dia em que estava marcada para as duas cidades que compõem a região do munim. No caso, Bacabeira e Rosário.


Quer tirar suas dúvidas? Então, continue lendo aqui: Governadora confirma visita ao município de Raposa amanhã 29

Câmara aprova Medida Provisória que garante desconto na conta de luz

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (28) a medida provisória que permite o uso de recursos da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) para subsidiar descontos  concedidos pelo governo para contas de luz das indústrias e dos consumidores residenciais.

A Conta de Desenvolvimento Energético é um fundo que financia programas do governo federal no setor elétrico. A principal despesa autorizada pela medida provisória na CDE servirá para neutralizar os efeitos da decisão de algumas concessionárias de energia elétrica, como a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), que não aderiram à proposta do governo de renovação antecipada dos contratos de concessão em troca do desconto.

O projeto correu o risco de perder a validade em razão de um impasse político na Câmara.Partidos oposicionistas e até mesmo legendas aliadas ao Palácio do Planalto exigiam a votação de um projeto de lei que trata da extinção da contribuição adicional de 10% ao FGTS devida pelos empregadores à União em caso de demissão sem justa causa para apreciar a MP da conta de luz.

A queda de braço entre governo e oposição inviabilizou em duas ocasiões a votação da proposta. Na última tentativa de analisar a MP, na noite desta segunda (27), a Casa não alcançou o quórum de 257 parlamentares e a sessão foi encerrada pelo presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN).

No final da manhã desta terça, o deputado potiguar anunciou que havia costurado um acordo com a oposição para votar a MP que garante descontos na energia elétrica e outra que estende os benefícios fiscais da desoneração da folha de pagamento a diversos segmentos da economia.

Para demover a obstrução às MPs, Alves se comprometeu com oposicionistas e, inclusive, com líderes da base aliada a colocar em votação no dia 3 de julho o projeto que põe fim à contribuição extra do FGTS.

O esforço do presidente da Câmara se deu para que as medidas pudessem chegar com sete dias de antecedência ao Senado, já que caducam em 3 de junho. A antecedência de uma semana é uma exigência feita pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), que declarou que não admitirá mais a apreciação de MPs que cheguem “em cima da hora”.

Desconto na conta de luz
A redução das tarifas de energia elétrica foi anunciada em setembro do ano passado pela presidente Dilma Rousseff. Para os consumidores residenciais, a conta de luz caiu, em média, 18%. E para a indústria, agricultura, comércio e setor de serviços o desconto alcançou até 32%.

Para bancar a queda no custo da conta de luz, o governo deve gastar R$ 19 bilhões em indenizações às empresas do setor elétrico e mais R$ 3 bilhões por ano para o fundo criado para compensar as reduções de encargos.

O texto aprovado nesta terça pelos deputados federais prevê que as receitas e despesas do fundo deverão ser tornadas públicas, todos os meses, na internet.
Ao anunciar a queda das tarifas, o governo ofereceu a todas as transmissoras e distribuidoras de energia elétrica brasileiras que tinham contratos vencendo até 2017 a possibilidade de renovarem as concessões antecipadamente. Em contrapartida, impôs novas condições, pagando menos pelos serviços.

A renegociação desses contratos era indispensável para o Executivo conseguir baixar as tarifas para os consumidores. Porém, algumas empresas, especialmente aquelas sediadas em estados administrados por partidos que fazem oposição ao governo federal, se recusaram a acatar as condições do Palácio do Planalto.

Para viabilizar os descontos de energia elétrica, Dilma decidiu publicar a medida provisória que garantiu recursos para compensar a diferença financeira gerada no momento em que parte das concessionárias não aceitou prorrogar os contratos em troca de uma menor remuneração.


(Informações do G1)

VÍDEO DO DIA 2: Vereador Jardson, governo Irlahi e a tribuna...




Vereador Jardson Frazão (PP) durante o segundo expediente na tribuna da câmara municipal de Rosário, na sessão desta segunda-feira (27).

Assistam e veja a atuação do parlamentar.

Vereadores cobram execução da obra nas estradas vicinais em Rosário


Os vereadores Magno Nazar (PRP) e Pedrosa Necó (PSB), cobraram em tribuna na sessão da última segunda-feira (27) a execução da obra nas estradas vicinais da cidade de Rosário, que segundo eles, estão intrafegáveis, quando que uma empresa foi contemplada para realizar tal serviço para a recuperação das estradas em questão.

Segundo o que consta na placa demonstrativa da obra e do extrato do contrato, o serviço deveria ser realizado entre os povoados de São Simão a Itaipu, ambos no município de Rosário, com o valor de R$ 198.859,53 (Cento e noventa e oito mil, oitocentos e cinquenta e nove reais e cinquenta e três centavos), oriundo da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar – SEDES, no dia 18 de outubro de 2012, segundo publicado no diário oficial do estado.

O convênio em questão trata do Projeto de Infraestrutura Rural, onde a empresa Cultivar Consultoria em Desenvolvimento Sustentável teria sido a contemplada para executar a obra. No entanto, nada ainda foi feito, apesar de o convênio ter o prazo de apenas 90 dias para ser executado, o que já venceu há muito tempo.

Magno Nazar e Necó esperam que dinheiro do convênio seja devidamente aplicado para garantir a acessibilidade e trafegabilidade aos moradores das regiões afetadas pela falta de infraestrutura nas vias rurais de Rosário.


Veja abaixo o Extrato do Convênio:



VÍDEO DO DIA: O alerta de Deus para a Igreja. Assista, é urgente!




Este vídeo trás consigo o aviso de Deus através de um sonho direcionado à igreja, com a finalidade de despertar a mesma, para a vinda do Senhor que está mais próxima do que imaginamos.


Assista. Vale a pena conferir... 


segunda-feira, 27 de maio de 2013

Roseana cancela visita a Bacabeira e Rosário que estava marcada para quarta-feira (29).


A governadora Roseana Sarney (PMDB) mais uma vez mostrou seu descompromisso para com as cidades de Bacabeira e Rosário, quando cancelou a visita do governo itinerante que deveria acontecer na próxima quarta-feira (29) nos dois municípios.

Segundo informações de assessores da governadora, ela cancelou a visita às duas cidades, por que um grupo de deputados aliados ao governo do estado estaria promovendo/organizando uma festinha surpresa em comemoração ao aniversário da governadora, que acontece essa semana.

A interlocução do cancelamento da visita do governo itinerante promovido pelo estado aos municípios acima, foi anunciado pelo vereador Jardson Frazão (PP) da cidade de Rosário, que teria recebido o comunicado através de pessoas ligadas ao próprio governo do estado.

O cancelamento da estadia de Roseana em Bacabeira e Rosário, fez com que ela perdesse uma grande chance de passar um dos maiores vexames de sua vida política. Um grupo de pessoas estaria preparando um grande movimento em protesto ao governo do estado, principalmente, por causa da paralisação da Premium I, e a fábrica de Rosário que deixou dezenas de pessoas endividadas na região.

Segundo informações obtidas, as manifestações variariam desde vaias, até cartazes com dizeres: “Roseana, você não é bem vinda aqui”.


O vereador Sandro Marinho (PSD), até tentou aplicar um manifesto na câmara dando o título de “Persona Non Grata”, ao governo do estado, mas, não obteve assinaturas suficientes.

Assembleia de Deus em Bacabeira promoveu 1° Simpósio de EBD e grande festa de encerramento





Pr. Luis Rios
A Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Bacabeira, promoveu durante este último final de semana (24,25 e 26), o 1° simpósio de Escola Bíblica Dominical – EBD, ocorrente no distrito de Peri de Baixo.

O simpósio contou com a participação de membros da igreja de todo o campo de Bacabeira, além da apresentação abençoada e excelente dos preletores Missionários Eliel Júnior, Zaquiel Silva e da professora Vera Fonseca, todos da cidade de São Luis, que fizeram durante os três dias de simpósio, palestras e oficinas de um nível intelectual divino com os participantes.

O objetivo do trabalho (simpósio) promovido pelo Pr. Luis Rios, presidente da igreja em Bacabeira, é justamente fortalecer, dinamizar e dar amplitude aos trabalhos na escola bíblica dominical em todas as congregações pertencente à igreja na cidade. Além, é claro, de formar novos professores para o bom andamento da melhor escola do mundo, que é a EBD.

Depois dos três dias de aprendizagem no simpósio, a igreja Assembleia de Deus promoveu um encerramento à altura, contando com a participação de centenas de pessoas das mais variadas localidades e especialmente da banda de música da cidade de Alto Alegre do Maranhão, que trouxe toda a sua alegria e dom para louvar a Deus na noite do último domingo (26).


Fiquem com as imagens e vídeos. Pois, falaram mais que palavras.




Pr. Luis Rios e Zaquiel Silva


Pr. Luis Rios e professora Vera Fonseca



Abono salarial do PIS está disponível na Caixa e no BB


O PIS (Programa integração social) disponibilizou um abono de um salário mínimo para os trabalhadores registrados no programa. O prazo para retirar os pagamentos vai até 28 de junho, sendo que o recebimento é de acordo com a data de nascimento do beneficiário.
Allan Kardec Ferreira, auditor fiscal do trabalho, esclareceu que têm direito ao abono todos os trabalhadores inscritos há mais de cinco anos no programa, que tenham trabalhado no último ano por pelo menos 30 dias com carteira assinada, recebido dois salários mínimos por mês e sido informados pelo empregador na RAIS (RAIS – Relação Anual de Informações Sociais).

“Se não receber o abono, este volta para o fundo e se perde. Somente no próximo ano a pessoa recebe outro ”, afirmou. As pessoas devem se dirigir à Caixa Econômica ou ao Banco do Brasil para pegar o benefício.
Segundo o auditor, no Brasil, são 21 milhões de pessoas com direito ao PIS, sendo que até dia 20 de maio 20 milhões já haviam feito saque. No Maranhão, são 320 mil.

(Com informações do G1MA)

PF e MPF investigam falsos pescadores em Bacabeira

Folha do Maranhão

IMAGEM MERAMENTE ILUSTRADA
A Polícia Federal pode desmontar a qualquer momento um possível esquema criminoso que vem atuando no interior do Maranhão em municípios que foram inseridos no programa “Seguro Defeso”, do Governo Federal, para beneficiar pescadores durante o período de proibição da pesca.

A reportagem apurou que o Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria da República no Maranhão, e a Polícia Federal (PF) investigam diversos casos de supostas fraudes no recebimento do “seguro-defeso” no estado. Em alguns municípios maranhenses, perto de 50% dos beneficiados não são pescadores, calcula o MPF.


Procedimentos sigilosos já foram abertos, pelo MPF e pela PF, desde 2010, para investigar colônias e sindicatos de pescadores de pelo menos nove municípios do Maranhão: Conceição do Lago-Açu, Bacabeira, Pinheiro, Rosário, Pio XII, Peri Mirim, Araioses, Cururupu e Buriticupu.

DEFESO VIRA MOEDA DE TROCA ELEITORAL


O MPF e a PF suspeitam que – a exemplo de outros programas sociais do governo federal – o “seguro-defeso” esteja sendo usado como “moeda de troca” eleitoral, por meio da farta distribuição de carteiras de pescadores a pessoas estranhas à atividade.


A suspeita já fez a PF cumprir, em 4 de outubro de 2011, mandados de busca e apreensão na Colônia de Pescadores Z-41, no município de Conceição do Lago-Açu (a 312 quilômetros de São Luís).


Foram apreendidos na colônia documentos e computadores. A presidente da colônia é Lindalva Teixeira dos Santos, irmã da prefeita (reeleita em 2012) Marly dos Santos Sousa Fernandes (PSD).


Segundo denúncias dos próprios pescadores de Lago-Açu, o vereador Alcimar da Rocha Mota, o “Mazinho Rocha” (PSL, também reeleito), teve uma carteira de pescador emitida em seu nome pela Z-41, sem nunca ter exercido a atividade.


BACABEIRA POSSUI MAIS DE 3 MIL 'PESCADORES'


Um levantamento realizado pela Folha Maranhão no Portal da Transparência da Controladoria Geral da União constatou que em Bacabeira, 3.452 são beneficiários do “seguro-defeso”. No Maranhão, 150.017 pessoas recebem o benefício na época da “piracema”.


Os cinco municípios do estado mais “inchados” de pescadores cadastrados são Pinheiro (7.467 pessoas beneficiadas), Rosário (5.261), Viana (4.950), Matinha (4.782) e Santa Helena (4.512).


Em Pinheiro, a quantidade de “pescadores” do município corresponde a cerca de 9,5% da população de 78.162 habitantes. Em Rosário, 13,3% (população é de 39.576 pessoas); 10% em Viana (população de 49.496); 21,5% em Matinha (população de 21.885); e 11,6% em Santa Helena (população de 39.110).


VEREADORES SACARAM BENEFÍCIO APÓS TOMAREM POSSE

Ontem, reportagem do Jornal Pequeno revelou que, ao menos três vereadores maranhenses, eleitos no pleito do ano passado, estão cadastrados indevidamente como beneficiários do “seguro-defeso” – programa do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) de ajuda financeira (um salário mínimo) a pescadores na época em que é proibido pescar (a “piracema”, reprodução dos peixes). Os nomes dos vereadores constam como “pescadores artesanais” no Portal da Transparência da Controladoria Geral da União (CGU): Aldo Wilson Silva Machado, o “Aldo da Colônia” (PSB), de 47 anos, de Icatu; Erivelton dos Santos Pereira, o “Vetinho” (PMDB), 41, de Bequimão; e Roberto Oliveira Saldanha da Silva, o “Oliveira Daducéu” (PP), 52, de Raposa.


“Aldo da Colônia” já sacou R$ 5.968 desde março de 2011. Foram 10 saques, sendo que dois foram feitos após Aldo assumir o cargo de vereador de Icatu: ele recebeu R$ 622 em 14 de janeiro deste ano, e R$ 678 no dia 31 do mesmo mês. Total dos saques após a posse: R$ 1.300.

“Vetinho” tem saques registrados no portal da CGU desde abril de 2011. São 10 saques, totalizando, como no caso de “Aldo da Colônia”, R$ 5.968. Depois de empossado, o vereador de Bequimão igualmente fez dois saques – de R$ 622 em 3 de janeiro e R$ 678 em 4 de fevereiro (R$ 1.300, no total, sacados após tomar posse).


Já o vereador “Oliveira Daducéu”, de Raposa, efetuou quatro saques, no valor total de R$ 2.600, desde janeiro de 2012. Em 24 janeiro de 2013, já empossado, fez um saque de R$ 678, e outro do mesmo valor em 15 de fevereiro. Total retirado após a posse: R$ 1.356.


De acordo com a Lei número 10.779, de 25 de novembro de 2003, para ter direito ao “seguro-defeso”, o beneficiário deve comprovar que exerce efetivamente a atividade pesqueira e que esta é sua única fonte de renda.

Os três vereadores mencionados recebem salários em torno de R$ 4 mil. Dois deles – “Aldo da Colônia” e “Oliveira Daducéu” – declararam ser “pescadores”, no registro que fizeram na Justiça Eleitoral. “Vetinho” registrou-se como “comerciante”.

Os bens declarados pelos vereadores ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) têm pouco – ou nada – a ver com o perfil do “pescador”.


“Aldo da Colônia” afirmou possuir bens avaliados em R$ 40 mil – uma casa (R$ 35 mil) e um terreno (R$ 5 mil). “Oliveira Daducéu” registrou R$ 70 mil em posses: uma casa (R$ 40 mil) e um carro Fiat Uno Way (R$ 30 mil).

“Vetinho”, o “pescador/comerciante”, também é pecuarista, conforme revelam as 40 cabeças de gado, avaliadas em R$ 48 mil, que aparecem em sua relação de bens. Ele também registrou um terreno de 50 hectares (R$ 35 mil), uma casa com seis cômodos (R$ 30 mil), uma sala comercial (R$ 20 mil) e uma moto Honda Cross (R$ 9.500). Valor total dos bens de “Vetinho”: R$ 142,5 mil.

Inscrições para o Enem terminam hoje (27)

BRASÍLIA - Terminam nesta segunda-feira (27), às 23h59, as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os interessados em fazer a prova devem se inscrever no site do Enem. Aqueles que já fizeram a inscrição e ainda não pagaram têm até quarta-feira (29) para fazê-lo. A inscrição só será confirmada após o pagamento. Segundo o último balanço do Ministério da Educação (MEC), mais de 5 milhões se inscreveram até esta sexta-feira (24). A expectativa é que o número de candidatos ultrapasse 6 milhões.

Para fazer a inscrição, o candidato deve ter em mãos os números do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e do documento de identidade. Será cobrada uma taxa de R$ 35. Estudantes que concluírem o ensino médio em escolas públicas no ano de 2013 e participantes com renda mensal per capita de até 1,5 salário mínimo estão isentos da taxa de inscrição. Aqueles que solicitarem a isenção deverão dispor dos documentos que comprovem a renda. No caso de isenção, a confirmação da inscrição ocorrerá após comprovados os dados fornecidos.
O participante que precisa de atendimento diferenciado ou específico deverá informar a necessidade no ato da inscrição. O atendimento diferenciado é prestado a pessoas com deficiência visual, auditiva, física e mental, dislexia, déficit de atenção, autismo ou outra necessidade especial. O atendimento específico é oferecido a gestantes, lactantes, idosos, estudantes em classe hospitalar e aos sabatistas que, por motivo religioso, não podem ter atividades aos sábados, no período diurno.
Ao finalizar a inscrição, o participante deve verificar se ela foi concluída com sucesso e guardar o número e a senha. Com essas informações o candidato poderá acompanhar o processo de inscrição e, além disso, consultar e imprimir o cartão de confirmação. Caso esqueça ou perca a senha, o candidato poderá recuperá-la pelo endereço site dohttp://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricaoEnem/.

Alterações nos dados cadastrais, na cidade de provas e na opção de língua estrangeira são permitidas apenas até o fim do período de inscrição.

Após a confirmação da inscrição - com o pagamento ou comprovação das informações que permitem a isenção -, o participante receberá em casa o cartão de confirmação de inscrição, que terá um número, assim como a data, hora, o local de realização das provas, a opção de língua estrangeira e outras informações específicas.
O exame será aplicado nos dias 26 e 27 de outubro em todos os Estados e no Distrito Federal. O Enem tem uma redação e quatro provas objetivas. Cada uma contém 45 questões de múltipla escolha. No primeiro dia, os inscritos farão provas de ciências humanas e da natureza, com duração de quatro horas e 30 minutos. No segundo dia, as provas aplicadas serão de linguagens e códigos, matemática e redação, com duração de cinco horas e 30 minutos.
Os estudantes maiores de 18 anos que ainda não obtiveram a certificação do ensino médio podem fazê-lo por meio do Enem. Eles devem pedir, na inscrição, que o resultado do exame seja usado para a certificação. Também devem indicar uma das instituições certificadoras que constam no edital do exame.

O Enem é voltado para aqueles que já concluíram ou vão concluir o ensino médio até o fim de 2013, mas pode ser feito também por quem quer apenas treinar para a prova. O resultado no exame é usado no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em instituições públicas de educação superior. Além disso, uma boa avaliação no Enem é também requisito para participação do estudante nos programas Universidade para Todos (ProUni) e Ciência sem Fronteiras e para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).